"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

10.3.09

Coração atrevido

Ao ser preciso ver o mundo,
vejo-o em ângulos meus
meu olhar atento vindo do coração desvenda detalhes
crio os meus próprios sentimentos..
faço e desfaço conforme meus pensamentos..
sei que no descobrir, o tempo me ajuda..
ao construir meu castelo, mesmo em tempo de chuva...
recito poesias aos montes..meu alicerce aguenta ao vento, ao hoje, ao amanhã..
mas na verdade, só quero e busco um só horizonte..
sei que o mistério está dentro de mim
as horas, as primaveras veem..
é o tempo certo de ser alguém
ir e seguir outro caminho talvez ,
para um coração seguro..firme..
que chora de vez em quando..sim
mas não perde seu encanto..de sorrir quando se faz preciso..enfim
inconsolado, já não aguenta mais tanto imprevisto..
acostumado a sofrer, decide se resolver..
acabar logo com este mistério que a tempos guarda, cuida, feri..
ver o mundo de outra forma, és então, sua vitória..
deixar de sofrer, impossível, acho que ele gosta..
se senti vivo, batendo, pulsando em um ritmo acelerado..
desvendando detalhes..se faz poderoso, quando quer..
mas não deixa de lado seus sentidos, mesmo que esteja perdido..
ainda encontra forças para ser o que realmente é..
um coração capaz de ser feliz..
texto escrito por: Palavras em vão

Nenhum comentário: