"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

15.3.09

Não x Sim...

Que espetáculo a nova descoberta de um mundo..
secreto e obscuro à minha lente da visão do espaço..
carregado de cor, contempla a dor..sensação de perda e perdão..
não sei ao certo onde vai parar..esta procura insensante do achar..
me decepciono ao ver o olhar, teu olhar imaturo..olhar profundo de um ser vazio..
hei de achar..dentro do teu esperar..uma emoção capaz de fazer embalar meu coração..
nunca hei de desistir..de te ver aqui a sorrir quem foi que se fez sofrer..
sei que me espera..do lado esquerdo do peito a pulsar daquele jeito..que só ao te ver faz acontecer..
não procuro teu impossível..sei que há uma chance..neste mundo perdido..
sei que uma palavra há de se expressar..
não quero mais esperar..uma rocha falar..
quero te ver, te encontrar..mesmo que perdido hei de estar..
ao teu lado..e te acompanhar..dura realidade..
frio sentimento, cada par se forma..cada mundo se transforma
cede ao desejo de ser feliz..
queria que o teu mundo encontrasse o meu hoje..
pois sei que tua existência persiste a me dizer..
é você....só você..

Nenhum comentário: