"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

3.3.09

A vida no olhar

A vida e seus desencantos

transforma o temporal

do mundo em que se esvazia do racional..

perderam a rotina da simplicidade..

e caíram em um conto de marginalidade..

a esperança da população em um olhar demonstra..

a firmeza nas atitudes de um ser, que indiferença..

a pequena vila sem água..a busca pela límpida descoberta do molhar..

no sorriso se vê disfarçes..de uma lágrima que insiste em denotar..

o vazio de um pequeno olhar...

da vida que sem sentido..

insiste em caminhar...

neste país rico..rico em sentidos..rico no sonhar...

a esperança se renova a cada novo mostrar..

de uma lei sem regras..de um destino sem governo,

de um poder sem mando..de um valor sem dinheiro...

precisa-se de emprego..emprego para a fome do dia...

quem será capaz de mudar esta sina?

texto: Palavras em vão

Nenhum comentário: