"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

27.6.09

Deixei a música na lembrança

Eu cantei aquela canção, naquele dia..
e em harmonia, eu disse..
o que não era para ser..
em cada verso da canção
eu te olhava..
e dizia
em silêncio
o que meu coração sentia..
mais um dia
você não quiz mais escutar..
assim
eu não soube mais cantar....
o som que vinha
daquela pequena melodia..
que dizia o seu nome
mais que enfrentava a emoção..
deixei a música ficar na lembrança..
a tua face na memória guardei..
e o teu olhar perdido..
em meu coração levei..

2 comentários:

Lídia Borges disse...

Um poema de despedida muito sentido e bonito, mas não vale desaprender o canto.
Sempre aparece quem queira escutar!

Um beijo

_Coisas do destino... disse...

Eu quero o amor de Lisbela...

Amor e Saudade

Músicas fazem a gente sofrer de amor e ainda traz saudade.