"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

25.8.09

O sonho ainda existe..




Pela manhã

o colibri anunciou

que a esperança que pousou
nos ombros pelo anoitecer..

reputou-se verdadeira..
mas há uma inútil e traiçoeira sombra que ainda insiste

mesmo sabendo que não há chances de sobrevivência

ela vem..
pelos cantos..

mais os raios do sol..
penetram todas as nuvens dolorosas..

e refletem de tal maneira..

que nada pode combater
a esperança em cada sonho..

no sonho de todo dia..

de todo Um que aqui está sem cessar..

de ter ou de querer..

de ser ou imaginar permanecer..
interesses infinitos..

por conquistas, pelas vezes
que buscamos ser mais do que felizes..

ou simplesmente pelos sonhos

que temos em nós, diretrizes..

um sonho nunca está perdido
em cada mente que em si existe..

Nenhum comentário: