"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

5.8.09

Toda essa confusão


[Se a vida fosse mais..
se as palavras fossem mais..
a cada pergunta nova..
uma nova resposta
tudo seria respondido..
todas as dúvidas sanadas..
todos os problemas resolvidos..
todos os horários vencidos..
todas as formas encontradas..
por que de tamanha incompreensão.
por que tão falsa ilusão
de que tudo seja ao menos parte certo..
será que o correto está na mente..
e o eficaz não..
de rapidez a lentidão..
qual a forma mais direita de se dividir a emoção..
qual será o limite, a previsão..
do amanhã, do depois, do sim ou do não..
o esperar é confuso, muda a direção,
onde hoje estou,
já se foi, fundiu, evolução ..
agora cada um seguindo a canção..
que diz a postura, a correta correição..
de fazer a vida ser mais
do que toda confusão..
que cabe simplesmente
na palma da mão
ou mesmo em cada visão.]

Nenhum comentário: