"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

8.9.09

Barcos de Papel




Neste tempo


no exato arifício deste momento..


que os aspirais do céu azul


retribuam toda dança dos pássaros


que a folha caia em proeza de exaltação


todos os ares repletos de luzes e formas perfeitas


o jorrar das águas mostrem sutileza


entre as rochas iluminadas


pelo sol enlouquecedor..


que o vento traga sinônimos de musicalidade


para que nossos ouvidos não se cansem


Nesta maré


vamos navegando com barcos de papel


mediante a orientação de cada nuvem ..

Nenhum comentário: