"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

18.10.09

Ao Meu Amor



Meu Doce Amor

Que Perfeita a minha vida

Que enche de cor

Mesmo sem saber

Meu Doce Amor


Que alegra os meus dias

Me mostra o sabor

Da poesia

Ao ritmo da canção

Ao Meu Amor,


Você, meu ser em transformação

Que me cativa pouco a pouco

Vamos viver, com calma,

Essa intensa e racional paixão..

3 comentários:

Maycon Aguiar disse...

Nossa, adorei o poema ! Você captou a essência de algo etéreo perfeitamente. Simplesmente magnífico. ^^ Já te sigo, ok ?

Um beijoo.

P.S.: Se quiser, pode me seguir sim. Sem problemas, será uma honra. ^^

ventosnaprimavera disse...

Que poesia bonita, leve, pra cima.Parabéns amiga.Arnoldo Pimentel

_Coisas do destino... disse...

Eu tbm gostei muito do texto!
Preciso arranjar um tempinho pra mergulhar na essência dele. E transpor pra mim quem sabe uma resposta, muita coisa sei que aproveitarei...
Um bjão