"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

24.12.09

Liberdade


Talvez as horas marquem no relógio 25:00
e as palavras não adiantem nada
mesmo as que não foram escritas, talvez,
como dizem:
entrem por um ouvido e saiam por outro
mais é o que há de mais precioso

Essa imensidão de sonhos
alojados em um canto da sala
para serem controlados, amarrados, desnorteados
pela sorte, vaporizados pelo vento
enterrados pelo tempo

Isso não pode acontecer
percebe-se quanto o horizonte comporta
mais não basta somente assim
é preciso conter caminhos, decidir, sobreviver
refletir sobre os espinhos da roseira
que insiste em crescer..

Escute apenas as palavras
assimile-as
verifique todos os sentidos, verbos e respirar
verás que tudo se acrescentou
para que nitidamente isso pudesse acontecer

Não há outro sentido
o único sentido está na liberdade, no viver!

Nenhum comentário: