"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

19.12.09

Meu Nome


Não sei o que me impulsa
talvez a imensidão da felicidade
a busca por sentimento
a força indivisível da paz
o otimismo acelerado
a prudência de sempre querer mais

Na magia dos meus sonhos que também se refaz
a poesia eterna em pensamentos assim
isso tudo em conjunto
a procura de um por que
ou de um sim..

Menciono tanto o tempo
o futuro, o passado ao alento
o presente, as pessoas, seus detalhes
que ressoam em meus ouvidos
músicas que fazem voar
acordada em meu mundo colorido
como digo: me encontro cada dia mais e mais..

São esses doces e pequenos dizeres
que transformam toda a minha face
o meu viver
Muito prazer,
Eu me chamo: Saudade.


Um comentário:

Mikaele Tavares disse...

Ah, saudade maldita do meu coração!
Beijos