"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

27.1.10

Poeta sonhador

Eu não tenho asas

Não sou anjo

Nem cantador

Não sou poeta

Poeta sonhador

Não tenho timidez

Tímido me restou

Não tenho sofrimento

Emoção me criou

Não tenho segredos

Segregado do amor

Não tenho versos

Palavras eu estou

Não tenho lágrimas

De sorriso me formou

Não tenho medo

Aventura ali estou

Não vivo um minuto

Um minuto é pouco

Para tudo que espero

Construir no que sou.


Palavras em vão


"Poesia é voar fora da asa." Manoel de Barros

7 comentários:

Thomas Albuquerque disse...

Poetas sonham, divagam, imaginam, criam...enfim, fazem de tudo um todo.


beeeijos

LUCIMAR SIMON disse...

isso é poesia, isso é voar fora das asas, "estupidamente" curvo-me a esta palavras, tambem nao sou nada, se nao um sonho ou fruto do ar que margeia os cantos do mundo.

Palavras inteiras ou inacabadas sao consideradas palavras e estas geram valores.

beijos no coraçao

Mikaele Tavares disse...

Nossa. Que lindo!
Amei ler e ainda mais adorei o titulo, Poeta Sonhador.
Beijos

Naty disse...

O poeta tem o dor de sentir, de fingir, de criar, de amar e sobretudo de fazer com que outros sintam o que ele sente.

Simplesmente fenomenal.
Passei aqui por curiosidade e ficarei por gosto.
Beijos, sigo.

julianamaria04 disse...

Olá querida Juliana,
Suas palavras alegra muito esse pobre coração, que anda meio em pedaços pelo mundo a procura de um anjo que faça dos meus lábios novamento o sorriso brotar.
Escrever....rs..o que melhor sei fazer....simples palavras levadas p/ dentro do coração.
Rs...posso add vc no meu MSN?
Ok, vou fazer o convite.
Obrigada pela visita, senti sua falta.
Bjs no coração (*_*) Jú

Flavia C. disse...

Isso é poesia viva! Adoro sua doçura, sua meiguice.
Parabéns!

Carlos Augusto Matos disse...

Isso que é poesia que merece até Oscar, ou prêmio nobel do amor...