"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

16.1.10

Vitória


Sentimentos
que povoam minha alma
meus intensos olhos
minha fria calma
minhas realidades e aspirações
poesias e sensações..

tentei evitar
que eles me envolvessem,
foi em vão..
eu não sabia que poderiam
ser tudo ou apenas mais solidão..

meus sentimentos com feridas
machucados pela dor
com o coração assim
não esqueceram ainda o sabor
de um amor..

eu os carregarei
junto aos meus enganos e desenganos,
sofrerei, mais perante
as minhas verdades
irei revigorar minha alma
e a dor, eu serei capaz de vencer..

4 comentários:

Thomas Albuquerque disse...

Os sentimentos são como uma grande correnteza: quando se cai nela, ela nos leva...


Beeijos, poetisa.

Leo disse...

E aí quando ela for só minha
Vô pro mato ou viro um pescador
Não quero mas nada da vida
Só quero teu amor

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Lindo seu poema.
Sua sensibilidade encanta, de verdade. Adorei.

FatoSempalavras. disse...

Um poema feito com uma ternura infinita.

Eu me encanto sempre que aqui venho.

És de uma sensibilidade impressionante!!!

PARABÉNS!

Incontáveis abraços.