"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

26.5.10

Cuidarei de Ti


Vou cuidar de ti
te proteger
te acarinhar
te recitar versos para dormir
beijar teus olhos ao acordar..

Vou cuidar de ti
em meu colo, te acalmar
todas as suas dúvidas, tentar calar
e os momentos de dor, amenizar

Prometo de ti cuidar
nas horas alegres, festejar
nas lágrimas, te apoiar
nos instantes mais difíceis, te acompanhar

Ah, cuidar de ti
com o meu calor te emaranhar
nas poesias dos meus dias
e com as cores do meu mundo
somente te amar..

Palavras em vão


* Para Ele

9 comentários:

Ju Fuzetto disse...

divinoooooo

beijoooooooooooo

Jaque Gonchoroski ઇ‍ઉ disse...

Que lindo querida Ju!

P.S.: Já está de volta? Que rápido!
Beijinhos

Angel disse...

Que não quer ser cuidado assim, com tanto carinho?!

Amor assim é tão bom...

Abraço, Ju!

! Marcelo Cândido ! disse...

Ahh
Se for assim
Sempre aqui irei de passar
!!!

Parabéns
...

.Justlow disse...

Essa eu dedico pro maridao, cuidarei de ti uhuuuuuuuuuuuuuu


bjô

Thomas Albuquerque disse...

Eu fico um tempinho sem comentar e quando volto, o que vejo?

essa linda declaração de amor...

[esse dá vontade de recitar ao pé do ouvido]

beeeijos

Mandy disse...

*---* Eu quero cuidar do meu 'ele' tambem. :) É tudo o que eu mais quero... Tá lindão esse poema, viu. (como os outros né) Adoooorei.
Beijoos
Mandy

Hamilton H. Kubo disse...

Qual a melhor forma de se guardar a beleza da rosa, se não cuida-la com amor?
Que abrigo é mais caloroso e ameno que o pensamento?
Não existe abrigo no mundo que aqueça a alma, que proteja do frio da madrugada, ou do temporal da vida, se não este amor, que nos mostra em palavras divinas o querer cuidar sem de mais nada precisar.
Tão somente a presença querida para alimentar o amor e seu bem cuidar!

Juliana, como sempre lhe digo alimenta corações de esperança com sua palavras.
De acreditar que neste mundo rodeado de tormento e malquerer ainda existe amor.

Ps.
Adorei o fim da poesia.

*Para ele

Beijos!

Rebecca (Flor) disse...

Que lindo Ju!
Muito bom encontrar um amor assim! Repleto de carinho e companherismo.