"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

17.7.10

Porta Retrato


Quantas vezes num porta retrato
Quis colocar a nossa imagem
Esperando que nossos sonhos
Também se juntassem

Mais em outras vezes, percebi
O quanto há em mim e em ti
Nossas mãos se encontraram
Mais os nossos corações não

Tantos momentos em que a espera lidera
Influi em nosso ser e como eu queria
Que tudo fosse diferente
Que os sonhos se realizassem assim de repente

Mais talvez sejam instantes
E nossas almas tenham que compreender
Que para amar e caminhar
O primeiro passo é aprender a viver..


Palavras em vão

4 comentários:

Mikaele Tavares disse...

Sabe, já tive vontade de ter tantas fotos em porta-retrato só pra que o passado fosse como hoje, mas nem sempre a vida é assim.

Adorei o poema.

Beijoss

Marcos Fabrício Araújo disse...

Acho que ainda hoje eu guardo esse desejo de que os sonhos se juntem e a foto esteja sempre a vista no porta retrato... =/

mais uma vez... lindo poema! ;)

Júlio Castellain disse...

...
Oie, Menina Juliana.
O trabalho tem tomado meu tempo
por isso a ausência.
Suas letrinhas continuam a me encantar.
Beijos.
...

Victor Zanata (Exilados do Paraíso) disse...

Muito bom moça, sem dúvida o início de tudo é aprender a viver. Bom lembrar disso as vezes.