"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

1.8.11

Dizer-te Amo


Dizer-Te Amo
É o que emana do meu coração
Como cântico de ternura
À mais linda emoção

Trago-te no peito
Meu eterno amado
Não julgues as minhas palavras
Quero-te e somente ao meu lado

Minha prova de amor
É o dia a dia realizado
Sou tua e és meu
Para sempre, doces namorados

Faço preces aos céus
Que o nosso amor seja guardado
Como um tesouro existente
Apaixonado!

Palavras em vão

5 comentários:

"(H²K) 久保 - Hamilton H. Kubo" disse...

Linda declaração, um cântico aos ventos a ser entoado.
São e serão amantes e eternos namorados!!

Beijos

Márcia R. disse...

oie tudo bem ?
passei aqui , para fazer aquela visita , amei o post :D ;
novo post no meu blog !
http://www.osilencioqueprocede.blogspot.com

Subentendidos do Mundo disse...

meu amor assim vc me mata de amor amor assim supera o poder de se inspirar na vida com seus mistérios e degredos imanados na respiração de cada dia te amo meu amor

Rafael Castellar das Neves disse...

Sem comentários...simplesmente sensacional!

[]s

Leone Rocha disse...

Gostei do post anterior, é o que norteia minha conduta.

No mais, é sempre inspirador ler uma declaração de amor. O amor nunca sai, e nunca sairá, de moda.

Abraços.