"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

11.8.11

Tempestade




Não quero mais isso
Essa pressão desmedida
Esse encurralar de sensações
Esse invadir de mesquinhes

Quero me livrar de tudo
Das palavras, dos gestos, dos absurdos
Do que faz meu coração ficar mudo
Sem saltos, sem disparar

Preciso respirar
Agora ou talvez nunca
Das minhas lágrimas brotam tristezas
Como planta sem colheita

A infelicidade é tão controlada
Quando tocarei a minha estrada?
Por esses rumos
Preciso me despir desse mal

Dessa sombra que me instrui
Dessa nuvem escura que paira sobre mim
E chove sempre, sempre
Aqui dentro..

Sem disfarçar..

Palavras em vão

Um comentário:

"(H²K) 久保 - Hamilton H. Kubo" disse...

Que esta tempestade logo se desfaça, que a luz novamente se faça!

Beijos