"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

20.10.11

Contra o Tempo


Tenho caminhado contrário ao vento
A favor do que tenho aqui dentro
Às vezes me encontro longe
Mas nada, nada de ressentimento

Os dias e as noites, doces constantes
O horizonte, um viajante solitário
Entre as cores que se fazem deslumbrantes
Estar aqui ou estar lá são meros instantes

Não nego que me escondo
Por trás do que faz vida
Se quiseres me achar, talvez,
Esteja onde fui partida

E o vento, ainda busca me permitir
Mas não marco as horas para sair
Sou vazões do meu ser,
Razões pelas quais, não tente(ou tente)me prender..

Palavras em vão

2 comentários:

Talita disse...

bom demais ler vc. As vezes parece que estamos caminhando no sentido errado, mais tudo na vida tem seu propósito...

Beijos de carinho, linda quinta feira!!!
tatapalavrasaovento.blogspot.com

Sabryna Assis disse...

Amei sua poesia, muito linda, parabéns! Ah estou te seguindo aqui.
Beijinhos e uma ótima tarde.
http://palavraemvao.blogspot.com/