"Escrevo: por que a escrita me faz bem, muito bem,
uma, duas, três, várias palavras, poemas, versos, textos.
Só preciso que existam palavras e elas possam me ajudar
a encontrar o vão entre os meus pensamentos e sentimentos.."Juliana Matos

10.3.12

Sentimento Adverso


Entre tantos sentidos encaixotados
Há um sentimento adverso
Que não cansa de se esconder
Escravo da sorte, em busca do "amanhecer".

Às vezes amargurado pelos cantos
Entregue aos prantos
Outras, sorridente
Embora com vida perene

Consegue ser discreto em um segundo
E noutro, tão profundo
Toma a sua forma, eterno
Uma eternidade deserta

Capaz de se entregar sem vício
Entre os tantos riscos
Que se pode imaginar ter
Esse sentimento adverso..

Palavras em vão

16 comentários:

Jorge Leandro disse...

Bom texto. Não lembro de tê-la visto escrever nada lírico-amoroso desde que a sigo, mas achei promissor, espero que venham outros.

"Toma a sua forma, eterno
Uma eternidade deserta"
Destaco essa parte não só pela beleza, mas porque me fez lembrar de meu último post no qual, depois de um bom tempo, volto a falar de amor.

Jorge Leandro disse...

Esqueci de falar do vídeo. Confesso que não conhecia a cantora, mas achei muito bons o clipe, a música e a interpretação, sem dúvida vai entrar na playlist.

Arnoldo Pimentel disse...

Sentimentos se misturam no caminho.Beijos

Sayuri Okamoto disse...

tantos sentimentos que nos são adversos, tantos amores que nos é tão compçicado e confuso, mas mesmo assim nesses versos que nos são muitas vezes mudos, nos vemos cheios de alegrias...

beijos amiga ♥

Iorgama Porcely disse...

às vezes, você tem que manter seus sentimentos sobre controle, presos numa caixa porque se ganharem vida talvez façam mais estragos que a caixa de pandora.
Gostei do poema :D

Rafael Castellar das Neves disse...

Uou!! Tá se superando cada vez mais, hein Ju! Carregado esse...muito bom!!

[]s

URBAN.GO disse...

Olá Ju!
Que bom poder vir aqui "beber" mais um pouco deste amor.
Obrigado.
Fica bem, bjs.

Talita disse...

Passando em seu blog para derramar chuvas de bençãos!! Uma linda e abençoada semana!!

Bjss

Patrícia Oliveira♥ disse...

‎"Que a cada manhã a sua coragem acorde bem juntinho de você, sorria pra você, e o convide para viverem uma história toda nova, apesar do cenário aparentemente costumeiro."

Caio Fernando Abreu


...Que lindo este cantinho!!
adorei aqui, e com certeza ficarei :)

estou seguindo..
retribui??

beijos
http://momentosdapathy.blogspot.com

Sr.Borges disse...

Onde o lugar é arido
e o eterno se desfez
Cada ser perde a luz

Sentido algum sobrevive
à solene fagulha do mistério
Principia a fria aragem

Risco de bruma e vícios...

Um abraço terno, Juliana.

Fátima disse...

Oi Juliana,

A adversidade do sentir.
Belo poema.

Beijo meu

Leone Rocha disse...

Eu quero escrever assim! Qual o segredo para evoluir desta forma? :)

Seu poema lembrou-me daquela velha sede que temos. Sede que não mata, mas tira a paz, como bem descrevetes.

Abraços.

ONG ALERTA disse...

Cada dia um aprendizado, beijo Lisette.

Orvalho do céu disse...

OLÁ, querida Juliana
Estive ausente pela Quaresma...

Páscoa é:

"Coragem é a resistência ao medo,
domínio do medo,
e não a ausência do medo."
(Mark Twain )

SAIR DO PRÓPRIO TÚMULO

Jesus libertou-me... enviou-me anjos para me soltar das amarras que me prendiam...

Apóstolo Pedro: “precisamos dar razões que justifiquem a nossa Esperança” (1Ps 3,15).

FELIZ PÁSCOA PARA TODOS NÓS!!!
Abraços fraternos de paz

Talita disse...

"Faça desta páscoa, a tua páscoa. Faça desta ressurreição, tua ressurreição. Nunca se entregue, pois é somente a cada adversidade que poderemos vislumbrar uma nova oportunidade."

Feliz Páscoa!!
http://ensinameasentirteucoracao.blogspot.com

Dri Andrade disse...

Tá inspiradona hem amiga! que coisa ...


amei

beijossss